3
jun

Cultura

Estava aqui a mudar os canais e fiquei na TV Cultura, pra assistir o “Matéria de capa”. Fiquei encantando. Vi um amontoado de discursos ambientalistas proferidos desde o senhor Richard Branson, aquele que diz patifarias sobre o meio ambiente – isso porque ele teve uma equipe de Fórmula 1 enquanto dizia macaquices acerca da ‘preservação do meio ambiente’, nada mais torpe – a uma série de peças publicitárias estrangeiras sobre os biomas brasileiros e o seu cataclísmico fim. E, daí, vejo que só mesmo glaciação que salvará a Terra da desinteligência humana. Em momento oportuno volto a esse tema que me agasta, especialmente pela falta de percepção daqueles que se dizem jornalistas (vocábulo o qual eu tomo como assaz ofensivo) sobre questões maiores e outras nuances, como por exemplo, a fantástica falta de compreensão de uma ideia, qual seja, a ideologia. E, por isso, ficam a papagaiar interesses espúrios e bizarros que eles não compreendem como se estivessem a fazer um grande bem. Pífio.

Post relacionado

O perfeito idiota O cara tá lá fazendo o trampo dele e vem um cretino. Ah, mereceu e ainda achei pouco. Que idiota. Via.
Ah, os fãs. Ao trabalhar com o público, especialmente através de uma rede social que enseja saudável distância física e, por isso, não é necessário encarar um foc...
Como manter um idiota ocupado Pelo menos por alguns minutos... http://www.pagetutor.com/idiot/idiot.html Recomendarei no trabalho, quando alguém pedir-me para mover arquivos ...

por  Nogueira  em  03/06/2012

Escreva um comentário

E-mail